Blog da Instant Hair

Sem categoria

Você sabe quais são as causas da calvície? Conheça as principais

Seus cabelos estão caindo a ponto de deixar determinada área da sua cabeça com falha de fios? Se sim, saiba que essa é a principal característica da alopecia. Acompanhe a leitura e descubra quais são as principais causas da calvície. 

A calvície consiste no afinamento dos fios capilares, deixando-os com diâmetro e tamanho reduzido, até que param de crescer. Ainda que atinja mais homens, não é raro encontrar mulheres com o problema, mesmo que não tão expressivo.

Há muitos mitos em torno da calvície, que vai desde o uso constante de bonés, até dormir com os cabelos molhados. O fato é que esse problema tem diversas causas, incluindo genética, má alimentação e até estresse.

Neste artigo você vai descobrir todas elas, bem como maneiras de evitar e até disfarçar a perda dos cabelos. Confira!

O que é a calvície

Calvície, ou alopecia, é uma condição física que leva à perda dos cabelos. Mas ao contrário do que muitas pessoas pensam, os fios não caem simplesmente.

O processo de calvície começa com a miniaturização, que é o afinamento dos fios, deixando-os naturalmente mais curtos e com diâmetro reduzido.

A cada novo ciclo de nascimento, os cabelos vão ficando cada vez mais finos, até que deixam definitivamente de crescer. 

Sintomas da calvície

Obviamente, o principal sintoma da calvície é a perda dos fios em todo o couro cabeludo ou em partes dele.

Nos homens, as regiões mais afetadas é a parte superior e a frontal da cabeça. Já as mulheres, a região central é a que mais apresenta alopecia.

Principais causas da alopecia

Ainda que seja possível que a calvície se inicie nos homens a partir dos 18 anos, a média de idade para início da perda dos cabelos é por volta dos 30.

Nessa faixa etária o processo de queda é mais acentuado. Por volta dos 50 anos, a calvície adota um ritmo mais homogêneo e lento.

Já nas mulheres, a alopecia tende a aparecer também por volta dos 30 anos, mas se acentua com a chegada da menopausa.

Para ambos os sexos fatores genéticos, hormonais, entre outros, podem ser o gatilho para o início da perda de cabelo.

Veja abaixo as principais causas da calvície feminina e masculina.

Genética

A genética é um dos principais motivos que levam à calvície. De modo geral, se um parente  próximo (pai ou avó) é calvo, muito provavelmente os demais membros da família também serão, especialmente os homens.

Hormonal

Com o passar dos anos a produção de hormônios do nosso organismo naturalmente se modifica, causando alterações nos seus índices.

Nos homens, a produção excessiva da dihidrotestosterona (DHT) – conhecida como forma mais ativa da testosterona –, por exemplo, pode levar à morte dos fios. 

Nas mulheres, além desse hormônio, a alopecia pode estar ligada à irregularidade menstrual. Essa, por sua vez, é comumente relacionada à queda ou excesso de hormônios femininos.

Alimentação inadequada

Os alimentos consumidos também interferem no crescimento e na saúde dos fios. Assim, além de buscar bons produtos capilares, é fundamental se alimentar corretamente.

Uma dieta rica em ferro, potássio, magnésio, cálcio, zinco e vitaminas A, B e C ajuda no crescimento de fios mais fortes e saudáveis.

Estresse excessivo

Viver sob constante estresse, ou mesmo passar por uma situação altamente estressante, também contribui para a calvície.

Isso porque o estresse faz com que a testosterona libere mais dihidrotestosterona no organismo, atacando os fios e comprometendo seu crescimento.

Higiene inadequada

A lavagem incorreta dos fios é outro fator que pode desencadear a calvície. Isso porque não tirar o excesso de xampu ou de cremes cria um acúmulo de resíduos que compromete a saúde do couro cabeludo.

Além disso, a higiene inadequada dessa região pode desencadear outras doenças, tais como caspa e dermatite seborreica.

Quem tem cabelo oleoso deve se atentar ainda mais à higienização, utilizando produtos adequados a fim de minimizar a oleosidade capilar e, dessa forma, deixar os fios mais fortes e saudáveis.

Como evitar a calvície

Ainda que a sua seja de origem genética, é indicado procurar um especialista (dermatologista) logo que notar os primeiros sinais de calvície.

Esse profissional vai indicar medicamentos e produtos que podem deixar seus fios mais fortes e retardar o processo de queda.

Se sua suspeita for questões hormonais, a ida ao médico também é a forma mais indicada de combater a alopecia. Por meio de exames, o especialista verificará suas taxas de hormônios e indicará os tratamentos adequados.

Já os demais fatores (alimentação, estresse e higiene) só dependem de você para serem solucionados. O autocuidado em busca de mais qualidade de vida e bem-estar vai lhe ajudar não apenas com a queda dos cabelos, mas na sua saúde de modo geral.

Mas se você já apresenta os primeiros da alopecia e busca maneiras de se sentir melhor e de elevar a autoestima, existem produtos específicos que ajudam a disfarçar a calvície

Somado a isso, é importante se manter por dentro das novidades do setor e conhecer soluções inovadoras para o problema de queda de cabelo.

Por isso, assine a nossa newsletter. Dessa forma, sempre que postarmos dicas e orientações como essas, você receberá em primeira mão.

  • Share:

Leave a Comment

sing in to post your comment or sign-up if you don't have any account.